Gossip

“Fiz um programa de TV, a Supernanny, que me atirou para a odiolândia”. Teresa Paula Marques

Teresa Paula Marques fez parte do projecto ‘suppernanny’ em Portugal que fio um barraco total.

Teresa Paula Marques lançou agora um livro acerca do ódio nas redes sociais, crítica e na ofensa gratuita.

Em declarações ao notícias ao minuto, Teresa Paula Marques disse que “Terminei o meu doutoramento em Psicologia da Educação há quatro anos e já foi sobre redes sociais, o Facebook: os riscos, os benefícios, bem como o impacto do online no offline. Já havia esse interesse prévio enquanto investigadora.”

Outro dos motivos de lançar o livro foi “o facto de ter feito um programa de televisão que me atirou para a ‘odiolândia’, na qual eu vivi um ano.”

SUPER NANNY, o pesadelo

“Não estava à espera. Estava à espera de polémica. Estreou o programa, estava tudo muito alegre, no dia seguinte foi como um tsunami que caiu em cima de mim. Estava à espera de críticas? Estava. Há sempre pessoas que gostam e outras que não. Respeito que as pessoas não tenham gostado, agora, isso não lhes dá o direito de arranjarem um bode expiatório e desviarem o foco das críticas para mim.”


A forma de dar a volta à situação foi “enfrentar a situação. Nunca deixei de fazer a minha vida normal, de ir trabalhar, ir ao centro comercial, etc. Apoiei-me também nos meus amigos. Cheguei a um ponto em que pensei: não posso perder a noção de que não fiz mal a ninguém, porque querem fazer-nos acreditar que somos uns monstros.”

Entrevista completa aqui

Leia Também: Cristina Ferreira está em choque com à morte de Neno: “Este é o sorriso que guardarei.”

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo