FamososGossip

Joaquín Cortés despejado e condenado a pagar 55 mil euros

O bailarino espanhol deixou de pagar as rendas há dois anos e foi dado como culpado em tribunal.

Joaquim Cortés foi condenado no processo relativo à falta de pagamentos de rendas de um imóvel de luxo na cidade de Lisboa.

Depois de um ano de guerra em tribunal, o bailarino espanhol recebeu uma ordem de despejo e foi condenado a pagar 55 mil euros ao senhorio, valor correspondente às rendas em atraso ao longo dos últimos dois anos, revela o Correio da Manhã.

Foi julgado à revelia, não compareceu em Tribunal e a juíza deu como provados os factos“, revelou o senhorio do imóvel ao jornal, que está satisfeito com o desfecho, mas não tem expectativas de receber o pagamento de Joaquín, uma vez que ele continua “em parte incerta e sem qualquer morada“.

De acordo com o proprietário, o antigo jurado do programa “Achas Que Sabes Dançar?” (SIC) já terá retirado os seus pertencentes do apartamento: “Espero em breve conseguir entrar na casa para ver como está. O senhor Joaquín disse que me ia devolver as chaves mas até ao momento ainda não o fez“.

Leia Também: Zezé Camarinha reacende guerra antiga com mãe de Kelly Baron: “Não pára de me atacar”

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo