Cristiano RonaldoGossip

“Alguma coisa se terá passado…”: Georgina Rodríguez mudou de planos nos últimos dias da gravidez

Adriano Silva Martins afirmou na CMTV que os gémeos iam nascer em Madrid e não em Manchester (como aconteceu).

Cristiano Ronaldo anunciou esta segunda-feira (18) nas redes sociais que Georgina Rodriguez perdeu um dos bebés.

“É com a mais profunda tristeza que comunicamos o falecimento do nosso bebé. É a maior dor que quaisquer pais podem sentir. Só o nascimento da nossa bebé nos dá forças para viver este momento com alguma esperança e felicidade. Gostaríamos de agradecer aos médicos e enfermeiros por todo o cuidado e apoio disponibilizado. Estamos devastados e pedimos privacidade neste momento tão difícil. Nosso menino, és o nosso anjo. Vamos amar-te para sempre“, pode ler-se.

O assunto foi comentado no programa “Manhã CM” desta terça-feira, 19 de abril. Adriano Silva Martins fez algumas revelações: “Acho que há aqui várias incógnitas, porque é que esses meninos não nascem em Madrid e nascem em Manchester? Porque é que eu digo isto? Na semana passada a Georgina esteve em Madrid vários dias, e a minha fonte disse: ‘Quase de certeza que vão nascer em Madrid, porque a Georgina está aqui’…“.

De repente vemos as imagens [no fim de semana de Páscoa] da Ivana [irmã de Georgina Rodríguez] e do Cristiano e Georgina naquele barbecue na casa de Manchester. Todos vimos provavelmente que os bebés iam nascer lá, mas houve aqui uma mudança de planos (…) alguma coisa se terá passado para depois decidirem…“, explicou o jornalista.

Eu não creio, eu acho que nenhuma mãe ou nenhum pai decide de uma semana para a outra se vão nascer em Manchester ou Madrid. Eu creio que já estava há estipulado há muito tempo mesmo que as crianças iriam nascer em Manchester“, retorquiu Gonçalo Quinaz.

Leia Também: LUTO! Elma Aveiro reage à morte de um dos gémeos de Cristiano Ronaldo e Georgina

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo