Gossip

Após a morte de Igor Sampaio, Frederico Amaral fica revoltado: “sinto alguma vergonha”

Igor Sampaio faleceu na passada sexta-feira, 3 de setembro, aos 76 anos de idade, vítima de um AVC hemorrágico.

As cerimónias fúnebres do ator aconteceram este domingo e o corpo foi sepultado no Talhão dos Artistas, no Cemitério dos Prazeres, em Lisboa.

Frederico Amaral, ator e companheiro de Marta Andrino, recorreu às redes sociais para demonstrar alguma indignação: “Não posso deixar de partilhar esta notícia que o Igor deu o ano passado ao ‘Correio dos Açores’ [“Tenho um desgosto muito grande por não ter oportunidade de representar nos Açores”, pode ler-se na imagem]. Com a idade que tinha, carreira e com todo o seu prestígio já devia ter tido todas as oportunidades, convites, homenagens e as portas abertas para poder simplesmente fazer um espetáculo na sua terra. Não aconteceu e não tinha de passar por isto…“.

Eu tenho 36 anos, sinto o mesmo desgosto e a mesma ânsia, mas ainda assim tenho alguma esperança! Não posso deixar de referenciar que até agora não vi nem li nenhuma nota de pesar pelo falecimento do Igor a nível REGIONAL. Se existe espaço para pequenas notícias numa capa de jornal como por ex.: -“Polícia detém três suspeitos por tráfico de droga“, também tem de haver pelo menos uma pequena nota de pesar pelo falecimento de um artista“, acrescentou.

É uma questão de sensibilidade e alguma justiça. Morreu um artista nacional, um actor açoriano caramba!! O Igor não andava a correr com a bandeira dos Açores às costas mas era um filho da Terra. Não estava em nenhum projeto de destaque há alguns anos mas teve uma carreira sólida no teatro e em televisão durante décadas“, argumentou.

Sermos autónomos, patriotas, diferentes, sentirmos aquele orgulho açoriano que mais ninguém entende, não nos serve de nada se essa diferença não se refletir também em pequenas grandes atitudes e gestos. Não estou a ralhar com ninguém, não sou essa pessoa mas acho só muito triste e sinto alguma vergonha. Ninguém quer saber…está cada um no seu canto e virado para si…e não…a desculpa agora não é a covid-19, nem as autárquicas, nem o departamento que escreve que está fechado para férias ou porque é fim de semana e não houve ainda uma reunião para aprovar o voto de pesar, não. NINGUÉM se lembra, NINGUÉM quer saber. Tudo isto é muito triste. Que luta esta… Descansa em paz amigo! 🖤“, rematou.

Leia Também: Pausa na carreira. Carolina Deslandes admite: “Não estou em condições”.

Leia Também: Big Brother: revelada nova imagem da nova ‘casa’

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo