GeralGossip

Ex membro das “Doce” revela que fez três abortos para continuar na banda

Lena Coelho, ex-Doce conta alguns pormenores do que viveu na época do auge da banda.

Lena Coelho, ex-Doce, emocionada com a estreia do filme ‘Bem Bom’, conta alguns pormenores do que viveu na época do auge da banda.

O filme ‘Bem Bom’ retrata as memórias mais marcantes do grupo feminino português, expondo alguns dramas que as protagonistas viveram nos bastidores.
Lena deixa largos elogios à realizadora Patrícia Sequeira e acha que este projeto chegou em boa hora. “Ao fim de tantos adiamentos pela Covid-19, e ao fim de tantos anos, alguém se lembrou de nos fazer uma homenagem e de nos dar o devido valor. Merecemos tudo o que possa acontecer. Fomos tão injustiçadas, maltratadas, tão pouco compreendidas. As pessoas não perceberam os sacrifícios a nível pessoal e profissional que fizemos“, destacou.

A artista ficou agradavelmente surpreendida com o desempenho de Carolina Carvalho: “Fez um trabalho espetacular, tal como todas as meninas. Revi-me completamente. Eu acho até que foi um bocadinho comedida. Eu era muito rebelde. Sempre fui de dizer o que penso”, lembrou.

Lena Coelho conta também que todas viveram momentos duros, muito pelos preconceitos da época, associados às mulheres, mas também pelos dramas pessoais que tiveram de enfrentar para manter o projeto.

A artista confessou que no passado fez três abortos para continuar na banda, tendo esta terminou em 1987 depois de oito anos juntas.

Já passaram mais de 30 anos desde o fim das Doce, Lena Coelho dedicou-se a outros projetos, ainda teve uma banda durante dois anos mas terminou para se dedicar ao teatro. Tendo ainda criado a versão infantil do grupo, as ‘Docemania’, mas acabou por retirar-se por completo do mundo da música. “Neste momento, sou mãe, dona de casa. Tenho uma família fantástica. Os filhos, que adoro. Um marido maravilhoso. Estou rodeada de gente boa. Vivo no campo. Afastei-me de tudo e sou uma mulher feliz.”.

Sobre a ligação com os restantes membros das Doce – Fátima Padinha, Laura Diogo e Teresa Miguel, Lena confessa e lamenta o pouco contacto. “É como os amigos que fazemos na escola, gostamos imenso e vão ficar para vida. No nosso caso, seguimos vidas completamente diferentes. A Laura está na Califórnia, muito bem estabelecida. A Fá seguiu outro rumo. A Teresa continuou na cena artística, mas numa área diferente da minha. São vidas diferentes. (…) Vamos ter a ligação das Doce que nos vai unir para sempre.”

 

Leia também: “O meu puto”!! Pedro Teixeira mostra-se apaixonado pela barriguinha de Sara Matos.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo