Geral

Caso Valentina: Queimada com água a ferver e em agonia durante horas

A investigação da Polícia Judiciciária tem vindo a revelar dados macabros no caso Valentina

O CM revelou que Valentina foi morta de forma macabra, e o corpo quando foi transportado já ia cadáver.


Sandro terá questionado a filha, Valentina, se mantinha envolvimentos sexuais com colegas na escola e se era vítima de abusos sexuais por um amigo da mãe a quem a criança chamava padrinho. Ela ficou sempre em silêncio.

Foi alvo de múltiplas agressões e torturou-a com água quente nos pés durante o banho.

A investigação da PJ dá conta que ele lhe queimou os pés durante o banho enquanto lhe batia nas pernas e rabo.

Terá ainda tentado asfixiar a criança e ainda lhe deu uma forte pancada na cabeça, e que foi fatal. Madrasta assistiu a tudo e deixaram a Valentina a morrer no sofá.

Só que já tinha sido violentamente agredida a 1 de maio, cinco dias antes de morrer. Sandro confessou que devido ao mesmo motivo, dos alegados abusos, lhe “deu uma sova muito grande”


Professora do pai da Valentina recorda: “Tu não és um criminoso”

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo