Geral

Francisco Menezes reage, não se arrepende e invoca «liberdade de expressão»

Francisco Menezes reagiu ao início da tarde a toda a polémica a que está envolvido desde ontem no caso Rúben Semedo.

O humorista Francisco Menezes fez uma publicação no Instagram onde culpava a jovem de 17 anos, alegada vítima de violação no caso Rúben Semedo.

Entretanto ele pediu desculpa ao usar a fotografia de Isadora Vale na “piada” e acha ainda que as críticas foram injustas ao dizer “cometi um erro terrível na piada“. [tudo aqui]

Ao final da amanhã desta quarta-feira, Francisco Menezes reage novamente e invoca a «liberdade de expressão» para fazer piadas e aceita essa mesma «liberdade de expressão» para as reações que daí venham.

Só não concorda com as ameaças que está a receber «Nada justifica ameaçar ou assediar».


“Reacções a piadas minhas interessa-me uma de duas: faz rir/não faz rir. O que estiver para lá disso não me diz respeito”, começa por dizer.

“Claro que, como a minha liberdade de expressão me permite fazer as piadas que me divertirem, a de todos os outros dá-lhes o direito de reagirem como quiserem, incluindo insultar, etc, faz tudo parte, aceito isso a 100 por cento, reservando-me obviamente o direito de bloquear no MEU insta quem eu ache que está a exagerar. Isto é uma coisa”, continua.

“Assédio e ameaças é que já estão para lá disso tudo, são injustificáveis. Nada justifica ameaçar ou assediar, independentemente de tudo. Gente anónima ou digital não intimida ninguém com mais de 14 anos, mas isso sim, já está para lá dos direitos de seja quem for”, conclui.


Leia Também: Vanessa Ferreira da Casa dos Segredos já foi mãe. Vê a primeira foto do bebé Matteo

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo