Gossip

Morreu a mulher que acusava Toy de não assumir o filho. Esta foi a sua reação

Elisabete Silva, a mulher que em 2007, tentou que Toy reconhecesse a paternidade do seu filho, Gabriel, morreu aos 53 anos de idade.



De acordo com a revista TV Mais desta semana, a cabeleireira do Porto, morreu provavelmente de um problema relacionado com o coração. A publicação esteve a falar com a mãe de Elisabete que revelou que a filha só estava na cama, a tomar vários comprimidos entre eles, antidepressivos.

Recorde-se que o cantor conseguiu provar em tribunal, através de 2 testes de ADN, que não era o pai da criança.



No entanto, para a mãe, a culpa da espiral depressiva da cabeleireira é de Toy, especialmente após ter entrado em tribunal com um processo exigindo que Elisabete parasse de afirmar que ele era o pai da criança.

Já Toy, foi contactado pela referida revista para comentar a morte, e a sua reação foi surpreendente, afirmando apenas que tem muita penas mas que todos os dias morrem pessoas.



Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo